Polícia

Presos em Caxias condenados por homicídio, estupro e assalto a mão armada

05/12/18 00h00         1118

A Polícia Civil em Caxias, por meio da Delegacia Regional, efetuou a prisão de dois homens na manhã desta quarta-feira (05), em cumprimento a mandados judiciais.  Cleiton Sousa Lopes foi condenado pelo crime de assalto e  Adriano Costa da Silva, pelos crimes de homicídio e estupro de vulnerável.

Cleiton Sousa, de 19 anos de idade, foi condenado a cinco anos e quatro meses de prisão, por um ato criminal realizado no ano de 2017, no centro de Caxias. O mesmo foi detido na zona rural de Governador Eugênio Barros – MA, que fica aproximadamente 100 Km de Caxias. A sentença de prisão preventiva foi expedida pelo Juiz da 1ª Vara Criminal da Comarca de Caxias, Paulo Afonso Vieira Gomes.

Já Adriano Costa, de 26 anos de idade, mais conhecido como “Gordinho ou Cabeção”, foi condenado a 15 anos de reclusão, por homicídio duplo qualificado, onde as ações do criminoso tornam as circunstâncias do crime mais graves. Crime praticado no ano de 2014; e, por estupro de vulnerável, que segundo o preceito situado no artigo 217-A do Código Penal, é um crime cometido por ato libidinoso ou por conjunção carnal a menor de 14 anos de idade, ou quando as ações criminosas são feitas em pessoas com necessidades especiais ou que não têm condições mentais para discernir a prática do ato. Crime esse praticado no ano de 2016.



Fonte: Direto da Redação





Veja outras notícias em portalsinalverde.com Curta nossa página no Facebook. Envie informações à Redação do Portal por WhatsApp pelo telefone (99) 98813-0035.

MAIS NOTÍCIAS


COMENTÁRIO





ENQUETE
É possível quitar a maioria das dívidas com o décimo terceiro salário?



© 2013 - 2018. Todos os direitos reservados - Sistema Sinal Verde de Comunicação