Violência

Homem que matou ator mirim de Chiquititas abusava da própria filha desde os 14 anos

11/06/2019 10h50         553

Paulo Cupertino Matias de 48 anos, matou o ator mirim de Chiquititas Rafael Miguel junto com seus pais no último domingo (9). O motivo seria a descoberta de que sua filha estaria grávida do ator. Esse seria o motivo da visita da família de Rafael que acabou na morte de todos. A versão da gravidez foi desmentida pela garota que afirmou que há muitos dias não via Rafael, o encontro aconteceu para ter uma 'reaproximação' e pedido oficial de namoro.

Vizinhos contaram a polícia que Paulo era extremamente ciumento e que abusava da filha desde os 14 anos e agredia sua esposa. Ao descobrir a gravidez da filha, ficou revoltado e acabou executando a família de Rafael a tiros. Paulo Cupertino ainda segue foragido desde o assassinato. A filha segundo informações só não formalizou a denuncia por medo do Pai, já que ele ainda não foi preso.

Os corpos de Rafael Miguel, ator de 22 anos, e João Alcisio Miguel, de 52 anos, e Miriam Selma Miguel, de 50, foram enterrados na tarde desta segunda-feira (10) no Cemitério Campo Grande, na zona sul da cidade de São Paulo.

Durante o cortejo fúnebre, familiares e amigos caminharam ao som de Ave Maria. Emocionada, Isabela foi amparada por amigos e depositou girassóis e um ursinho de pelúcia no túmulo do namorado. "Rafael salvou a minha vida. Ele foi um herói, os pais deles criaram um príncipe, um anjo", disse Isabela ao deixar o local. A irmã do ator, Camilla, não quis falar com a imprensa e chorava muito



Fonte: Meio Norte





Veja outras notícias em portalsinalverde.com Curta nossa página no Facebook. Envie informações à Redação do Portal por WhatsApp pelo telefone (99) 98813-0035.

MAIS NOTÍCIAS


COMENTÁRIO



ENQUETE
O presidente Jair Bolsonaro disse que pretende "acabar" com a fiscalização por radares móveis nas rodovias federais do país. Você é contra ou a favor?



© 2013 - 2019. Todos os direitos reservados - Sistema Sinal Verde de Comunicação