Saúde

Com unidades de saúde recém-inauguradas, Maranhão tem novas obras para abrir mais hospitais

21/11/2020 19h40         161

Policlínica de Santa Inês (Foto: Divulgação)

A rede estadual de saúde do Maranhão abriu novos hospitais e unidades nas últimas semanas. E novas obras estão sendo feitas neste momento para continuar a ampliação do atendimento para a população – seja no combate à Covid-19 ou a outras doenças.

Entre as unidades já entregues neste mês, está a UTI Neonatal reformada do Hospital Macrorregional Alexandre Mamede Trovão, em Coroatá. No início da pandemia, a UTI foi realocada dentro do hospital, para dar espaço aos leitos específicos para tratamento contra coronavírus. E agora retornou ao local de origem, porém reformada.

Outra unidade é o Espaço do Diabético na Policlínica Diamante, em São Luís. No local, o paciente, além de ter acesso a medicamentos, também poderá realizar a marcação de consultas e receber orientações com médico clínico e curativos.

Também acabou de ser entregue a Policlínica de Santa Inês, que atende 18 cidades da região do Vale do Pindaré. A unidade oferece cardiologia, dermatologia, oftalmologia, ginecologia, obstetrícia de alto risco, realização de exames laboratoriais, gastroenterologia, ortopedia, reumatologia, ultrassom, endoscopia, radiologia, mastologista, ambulatório para tratamento da Covid-19, entre outros atendimentos.

Com estrutura adequada e profissionais capacitados, o novo Hospital Municipal de Carolina foi construído pelo Governo do Maranhão e entregue à Prefeitura no início de novembro. O local oferece consultas ambulatoriais e atendimento de urgência e emergência para moradores da cidade e municípios vizinhos.

Novas obras

As construções, reformas e ampliações continuam. O Hospital Aquiles Lisboa, em São Luís, está sendo expandido. Serão mais 50 leitos para atender a demanda da região Itaqui-Bacanga.

“Com o início do período chuvoso no estado, os casos de síndromes gripais tendem a aumentar. Prevendo isso, já estamos nos mobilizando para ampliar a assistência com investimentos na nossa rede de saúde e, assim, garantir os cuidados à população para qualquer que seja o cenário que enfrentaremos nos próximos meses”, disse o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula.

O Hospital de Pedreiras está em obras, e Barreirinhas terá ampliação da UTI no Hospital Regional.

Na capital, o Hospital Raimundo Lima está sendo ampliado e vai ganhar um novo centro cirúrgico.

Já o Hospital Dr. Genésio Rego, igualmente em São Luís, está sendo transformado no Hospital de Doenças Infectoparasitárias e Instituto Maranhense de Infectologia, para reforçar a pesquisa na área. A unidade já havia sido expandida para tratamento de pacientes com a Covid-19.

Há ainda as obras da Maternidade de Paço do Lumiar, que vai preencher uma necessidade histórica no município.

Radioterapia

Além das obras, o Governo do Maranhão assinou contrato com o Hospital São Domingos, em São Luís, para ampliar acesso à radioterapia para pacientes atendidos pelo SUS.

“Atendimentos começarão imediatamente. A medida integra conjunto de providências que adotamos para casos de câncer no Maranhão”, afirmou o governador Flávio Dino.

“Implantamos serviços novos em Imperatriz e Caxias. Apoiamos o hospital Aldenora Bello. E transformamos o antigo Hospital Geral em hospital exclusivo para casos de câncer, contando com nova Casa de Apoio e ambulatório na Clínica São José”, acrescentou.

FONTE: ASCOM





Veja outras notícias em portalsinalverde.com Curta nossa página no Facebook. Envie informações à Redação do Portal por WhatsApp pelo telefone (99) 98813-0035.

MAIS NOTÍCIAS


COMENTÁRIO



ENQUETE
O dito "novo normal" pode influenciar nas celebrações de fim de ano?



© 2013 - 2020. Todos os direitos reservados - Sistema Sinal Verde de Comunicação